Carreira

Cónica. O segredo para melhorar a confiança

Todos os seres humanos desejam sentir confiança, em várias situações e por várias razões. Descubra os fatores fundamentais e ainda algumas dicas para a conseguir.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
Cónica. O segredo para melhorar a confiança
© GettyImages
Mafalda Almeida, coach
Escrito por
Jun. 15, 2020

Todas queremos tomar as decisões certas e perceber que somos especiais aos olhos dos demais. Quem gosta de sentir insegurança, de duvidar do que vai dizer ou fazer? Penso que todo o ser humano adora a certeza e dá-lhe primazia perante a dúvida e a consequente falta de confiança.

Estudo e aplico bastante os princípios da alta performance nos programas de coaching que desenvolvo com clientes e nas formações que dou. Existem vários hábitos relativos à alta performance, e é garantido que o investimento diário nestes hábitos e no seu desenvolvimento faz de nós pessoas mais confiantes.

A grande questão aqui é que a confiança só se desenvolve e fortalece com… a coragem. Ambas andam de mãos dadas, quando a coragem cresce, a confiança também cresce, e vice-versa. Mais um paradoxo da realidade do ser humano.

Uma enorme “chatice” para quem gosta tanto de certezas: a certeza do emprego estável, a certeza do casamento, entre outras certezas que somos ensinados a procurar ao longo da nossa vida.

Podemos alterar o nosso estado recorrendo a três fatores fundamentais: foco, fisionomia e comunicação (interior)
Mafalda Almeida Mafalda Almeida

Conseguimos melhorar o nosso nível de confiança quando nos desafiamos e mostramos a nós mesmas que somos capazes. Simples e complexo.

Mas estou aqui hoje para lhe dar boas notícias! Peço-lhe somente para não acreditar em milagres nem em receitas mágicas. Tudo se consegue através de dedicação, foco, prática e repetição e um grande nível de fé nas nossas capacidades. Não abandone este trabalho interior em nome de receitas milagrosas.

Dizem os estudos, e os maiores gurus do desenvolvimento pessoal, que de facto conseguimos influenciar de forma positiva o nosso estado.

Quero com isto dizer que se por acaso nos estamos a sentir “em baixo”, deprimidas, pouco confiantes ou até pouco motivadas, podemos alterar o nosso estado (passando-o para um estado de recursos) recorrendo a três fatores fundamentais: foco, fisionomia e comunicação (interior).

Fatores fundamentais para alterar o nosso estado

Foco

Aquilo em que nos focamos aumenta de dimensão na nossa vida. Se nos focamos no negativo, na carência, automaticamente vamos encontrar mais fatores e mais razões para nos sentirmos negativas e com poucos ou nenhuns recursos para ser, ter ou fazer o que desejamos.

Podemos mudar intencionalmente o nosso foco, certo? Basta escolher concentrar as nossas energias em algo que nos faça sentir mais animadas, em algo que nos dê razões para sorrir.

Fisionomia

A nossa postura corporal ajuda ou dificulta a nossa confiança. Pessoas negativas e deprimidas muito possivelmente apresentam, por exemplo, as costas e os ombros inclinados para a frente, o tom de voz poderá ser muito baixo, entre muitas outras características.

Como mudamos a nossa fisionomia de forma quase automática? Endireitando as costas, os ombros para trás, queixo erguido. O tom de voz vai acompanhar esta mudança intencional quase de forma automática. Experimente!

Comunicação (interior)

A qualidade do nosso diálogo connosco mesmas dita, na grande maioria das vezes, os nossos resultados, o nosso êxito.

Existe uma grande diferença entre dizermos a nós mesmas que não somos capazes, que não somos merecedoras, e acreditarmos e verbalizarmos que sim, vamos conseguir. Esta última opção empodera muito mais e leva-nos a resultados mais satisfatórios.

Dicas que poderão ajudar a desenvolver e melhorar a confiança

1. Faça uma lista com 100 razões que a façam sentir-se orgulhosa de si mesma. Sim, eu disse 100. Faça este exercício e verifique como contribui e muito para melhorar o seu nível de confiança.

2. Tenha manifestos diários, aquelas frases, princípios e verdades só suas, nas quais decide acreditar e que ajudam bastante na hora da possível insegurança ou incerteza.

A minha? “O universo conspira a meu favor”. Confesso que me traz uma dose extra de confiança quando preciso.

3. Escolha sentir-se bem. Sim, é uma escolha. E ainda bem que é!

4. Não se compare. Jamais. Nunca mais.

Recordo, como nota final, que a confiança e a coragem são cúmplices no sucesso uma da outra. Vamos a isso!

Mafalda Almeida é a coach pioneira em Desenvolvimento Feminino, afirmando-se assim no mercado do desenvolvimento pessoal. É a autora do livro Veja em si a Melhor Mulher do Mundo (Marcador, 2018) e pode acompanhá-la através do seu siteInstagram e Facebook.

Últimos