Carreira

Nesta fase desafiante, foque-se na solução (e não no problema)

Numa plataforma online onde a saúde é tema, onde “Saber Viver” é o foco, é extremamente desafiante e ao mesmo tempo interessante falar sobre a realidade que todos estamos a atravessar.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
Nesta fase desafiante, foque-se na solução (e não no problema)
© Getty Images
Mafalda Almeida, coach
Escrito por
Abr. 12, 2020

Mudaram-se paradigmas, estratégias, mudou-se acima de tudo a visão do mundo como sempre o conhecemos. Mudou-se quem sabe o conceito de saúde, e com certeza que mudou o conceito de higiene (física e mental).

Sei que pode parecer arriscado, e por favor não personalize caso a sua situação não seja positiva em contexto de saúde, mas peço-lhe: foque-se por favor na solução, e não no problema que todos enfrentamos.

Treine a sua mente para se nutrir e se preparar quanto ao futuro que nos espera. E não se esqueça: tudo aquilo em que nos focamos aumenta de dimensão na nossa vida. Por isso, penso que seja lógico insistirmos em nos focar nas soluções, para que desta forma consigamos encontrar mais e mais soluções. Concorda comigo?

Sempre que a sua mente estiver a desviar-se do caminho rumo à solução, pare, respire. Controle os impulsos normais inerentes à nossa necessidade e ao nosso instinto de sobrevivência. Controle a sua ansiedade que é mais do que normal nesta fase. Nós (ainda) somos responsáveis pela gestão e coordenação dos nossos pensamentos, e esta é a boa notícia.

Quando tudo isto passar, vai sair desta situação uma super-mãe e super-profissional, versão 2.0, e aí é que ninguém a vai parar
Mafalda Almeida Mafalda Almeida

É tempo de reavaliar crenças que poderão comprometer o seu desempenho pessoal e profissional neste futuro desafiante que se adivinha. É tempo de desenvolver o nosso músculo da autoestima, de forma a que nesta nova era nada nem ninguém nos consiga demover do nosso caminho e daquilo que é importante para nós.

Assim, e como já tem sido habitual, gostaria de lhe deixar algumas sugestões para que melhor consigamos gerir todo este novo contexto.

7 dicas para se focar na solução (e não no problema)

1. Mantenha a sua capacidade de organização, ou se possível, melhore! Se existem assuntos por resolver, se existem projetos na gaveta, se existe algo pendente, é altura de organizar e fazer.

2. Leia, aprenda coisas novas. Recorde que o conhecimento não vale de nada se não for colocado em prática e, por isso, para além de nutrir a mente, há que entrar em ação, porque isso é o que realmente importa.

Recorde uma máxima que defendo sempre: mais vale feito do que perfeito. Neste momento, as soluções ao nível da formação estão praticamente todas disponíveis online, por isso aproveite.

3. Descanse. Quantas vezes não nos queixámos, no passado recente, de que não tínhamos tempo para descansar? Bem ou mal, agora temos, por isso, vamos ver o “copo meio cheio” e descansar mais.

Estabeleça rotinas de sono, para ajudar a manter a calma nesta fase que estamos a atravessar.

4. Comunique e fale sobre temas positivos, não esteja sempre a falar na doença.

Recorde: aquilo em que nos focamos aumenta de dimensão na nossa vida. Fale sobre soluções, fale sobre temas alegres. Se falarmos sempre sobre a doença, esta vai ganhar uma (ainda) maior dimensão na nossa vida.

5. Respire, Respire, Respire! Para viver, e não para sobreviver. Ou seja, respire conscientemente.

6. Se é daquelas mães que estão em casa, em regime de teletrabalho e ao mesmo tempo a tomar conta dos filhos (crianças), mantenha a calma.

Tenho bastantes clientes que me dizem que estão nessa situação, e é em situações como esta que apelo novamente à sua capacidade criativa e ao seu espírito de resiliência. Não é fácil, mas a verdade é que quando tudo isto passar, vai sair desta situação uma super-mãe e super-profissional, versão 2.0, e aí é que ninguém a vai parar!

7. Rir. Ao rirmos, mesmo que ao início possa ser propositado e possa parecer falso, estamos a transmitir hormonas de bem-estar ao nosso cérebro (a chamada endorfina), e isso vai ajudar a que o nosso organismo lide melhor com o possível stresse e ansiedade que todos estamos a sentir.

Espero que numa próxima oportunidade nos possamos “encontrar” com melhores notícias para dar. Até lá, não se esqueça de trabalhar na sua melhor versão para que a reentrada no mundo dito normal seja feita da melhor forma.

Conte-me tudo, e conte comigo para ajudar nesta caminhada, em tudo o que puder!

Mafalda Almeida é a coach pioneira em Desenvolvimento Feminino, afirmando-se assim no mercado do desenvolvimento pessoal. É a autora do livro Veja em si a Melhor Mulher do Mundo (Marcador, 2018) e pode acompanhá-la através do seu siteInstagram e Facebook.

Últimos