Dinheiro

Como começar a gerir o dinheiro de forma simples aos 20 anos de idade

Os 20 anos são uma idade tramada. São muitas coisas e mudanças a acontecer ao mesmo tempo, bem sabemos! Por isso, deve tentar gerir o dinheiro da melhor forma para que tenha estabilidade financeira a longo prazo.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
Como começar a gerir o dinheiro de forma simples aos 20 anos de idade
© Shutterstock
Escrito por
Fev. 25, 2020

“Ai quem me dera ter outra vez 20 anos”, já cantava Amália Rodrigues. A música é bonita, de facto, mas não queremos que a recorde daqui a muito tempo, quando estiver a falar das poupanças que podia ter feito no início da fase adulta e não fez.

É que quando a adolescência termina, entramos no mercado de trabalho, pensamos em sair de casa e começamos a ganhar um salário mensal é muito importante sabermos gerir o dinheiro da melhor forma para que, a longo prazo, consigamos estabilidade financeira e não dependamos de terceiros. Atente nestes conselhos.

5 dicas para gerir o dinheiro aos 20 anos

1. Estabeleça objetivos para a vida

Sente-se sozinha e responda a estas perguntas: o que é que quer para a sua vida? Quer ter rapidamente casa própria? Ou prefere ficar mais alguns anos em casa dos pais e aproveitar o dinheiro das despesas para viajar? Quer comprar já um carro? Investir dinheiro em cursos?

2. Guarde sempre uma parte do salário numa conta poupança

Quando o seu ordenado cair na conta, transfira logo um valor igual todos os meses para uma conta poupança.

Não deixe esta ação para a semana seguinte, quando já utilizou dinheiro da conta para outras coisas. Assim, nunca lhe vai dar vontade de não o fazer.

3. Aprofunde os seus conhecimentos financeiros

Reserve uma manhã para ir ao banco e conhecer todas as propostas financeiras que tem à sua disposição. Aconselhe-se com profissionais da área e tenha muita atenção aos créditos!

4. Não compre tudo o que lhe apetece

Foi à sua loja de roupa preferida e adorou um vestido, umas sandálias e um casaco? Será que precisa mesmo de mais uma peça no seu guarda-roupa? Dê meia volta e vá embora.

É muito importante que deixe de fazer compras por impulso e comece a comprar apenas aquilo que precisa mesmo. A longo prazo vai perceber o quanto consegue poupar.

5. Fale com os amigos e partilhe dicas

Estão todos “no mesmo barco”, certo? Nada melhor do que conversarem, partilharem experiências e conselhos entre amigos.

Não se esqueça também de falar com os seus pais – são os nossos melhores conselheiros, além de que já passaram por esta fase.

Últimos