Beleza

Impérios de beleza: estas são as mulheres que dominam a indústria

É caso para dizer que o empreendedorismo no feminino tomou de assalto o setor da cosmética. Não se trata só de ter a mulher como musa inspiradora e principal consumidora dos produtos gerados, como já acontecia. Elas estão, finalmente, em cargos de liderança, sendo fundadoras e CEOs de marcas que, de alguma forma, vieram revolucionar o mercado.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
Impérios de beleza: estas são as mulheres que dominam a indústria
© Instagram/ fenty beauty
Marta Vieira
Escrito por
Mar. 06, 2020

Queremos dar-lhe a conhecer cinco percursos distintos de triunfo e conquista pessoal e profissional. Cinco mulheres que são as verdadeiras beauty queens.

Emily Weiss viu um gap na indústria que tanto admirava e criou o mundo que idealizou, com uma comunidade online – e real – a segui-la; Rihanna não se contentou com o eco de sucesso que já fazia pelo mundo inteiro e quis dar espaço (e cor) e todas as mulheres; Charlotte Tilbury, que sempre viveu para a beleza e conseguiu por fim realizar o objetivo de ter algo com o seu cunho pessoal; Kylie Jenner conseguiu que uma insegurança corporal a tornasse a mais jovem bilionária do mundo e Huda Kattan, que acredita que a confiança feminina pode conquistar o mundo, aplicou esta mesma fórmula para perseguir o seu sonho.

O que têm em comum estas mulheres? Todas arriscaram o que tinham – e não tinham – numa indústria de milhões, ainda com demasiadas pretensões associadas, e mostraram que o verdadeiro empoderamento feminino também se pode destacar aqui.

As cinco lançaram as suas marcas de maquilhagem e/ou cuidados de pele na década passada, conseguindo impor-se, destacar-se e revolucionar o que se pensava já estanque. E o que um dia começou como um esboço de ideia, concretizou-se num projeto que depressa se transformou num império.

São histórias de sucesso no feminino que lhe trazemos, numa altura em que celebramos a mulher e lutamos pelos seus direitos.

5 mulheres e as marcas de beleza que estão a revolucionar a indústria

Emily Weiss, Glossier

Esta americana representa o epítome do verdadeiro conceito de self made woman. Uma história de ascensão profissional inigualável. Em 2010, e ao fim de alguns anos como assistente de revistas como a Vogue ou a W Magazine, concluiu que a beleza ainda era considerada o parente pobre da moda.

Desenvolveu então, aos 25 anos, o blogue Into The Gloss, que depressa ascendeu aos milhares de visitantes mensais. Quatro anos depois e através de investimento externo cria, por fim, a Glossier, com apenas quatro produtos de beleza, entretanto expandidos a uma linha mais completa.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Glossier (@glossier) a

A forma como a marca, avaliada em 2019 em um bilião de dólares, interage com os seus clientes através das diferentes plataformas criou um populismo ímpar.

A Fortune considerou-a, em 2018, uma das marcas mais disruptivas da indústria e, em 2019, Weiss foi mesmo capa da Time “Next 100”. A marca vende-se online, através do seu site, para uma curta lista de países – Portugal ainda não está incluído – mas também nas duas lojas nos E.U.A. ou em pop-ups que vão abrindo pelo mundo.

Rihanna, Fenty Beauty

Robyn Rihanna Fenty, conhecida mundialmente por Rihanna é uma cantora, compositora, atriz, filantropa e agora empreendedora nascida nos Barbados.

O seu talento no universo da música cedo a catapultou para a fama, e não são de todo raros os galardões musicais que ganhou ou os recordes que bateu. Em 2017, decidiu avançar para a indústria de beleza com uma linha de produtos vendida online no site da marca e também na gigante Sephora.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por FENTY BEAUTY BY RIHANNA (@fentybeauty) a

Os seus produtos de beleza valeram-lhe múltiplos elogios internacionais e abriram espaço a um debate público acerca da representatividade na indústria. É que estes primaram pela variedade de tons oferecidos, nomeadamente ao nível das bases com cerca de 50 opções disponíveis.

Ao contribuir para inclusão de mulheres negras no mercado, Rihanna preencheu uma lacuna há muito criticada na indústria de beleza e elevou os standards para outras empresas. Só em 2018, conseguiu uma receita de 570 milhões de dólares.

Charlotte Tilbury, Charlotte Tilbury Beauty

A aclamada maquilhadora britânica com 20 anos de experiência tornou-se uma lenda do setor ao criar alguns dos looks mais icónicos de figuras do cinema e da moda. Construiu a sua carreira e reputação neste universo, destacando o seu trabalho em publicações internacionais.

Para além disso, colaborou tanto com prestigiados fotógrafos como com celebridades de topo como Alexa Chung, Kim Kardashian, Gigi Hadid ou Gisele Bundchen, além de fazer parte das principais semanas de moda: Nova Iorque, Paris, Londres, Milão.

Este background, reputação e os contactos que estabeleceu, permitiram-lhe, em 2012, não só criar um blogue próprio e canal de Youtube como, principalmente, lançar a sua marca homónima de maquilhagem e cuidados com a pele.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Charlotte Tilbury, MBE (@ctilburymakeup) a

O sucesso foi quase imediato e, desde então, já ganhou mais de 250 prémios da indústria de beleza, sendo reconhecida internacionalmente pelo seu trabalho.

A sua loja principal situa-se em Londres, mas vende sobretudo online pelo site da marca, que é apontada como elegante e ultra feminina. Com um packaging requintado, numa alusão ao glamour dos tempos modernos, está ainda presente em grandes espaços como o Harrods, Selfridges ou Sephora.

Kylie Jenner, Kylie Cosmetics

A mais nova do clã Kardashian, irmã de Kendall Jenner ou Kim Kardashian e filha de Kris Jenner – considerada a cabeça por detrás do sucesso internacional da família – desde sempre esteve sob os holofotes da imprensa, e do mundo inteiro diga-se, muito por causa do reality show Keeping Up With The The Kardashians, do canal E!.

Todas as irmãs se lançaram no mundo empresarial, com marcas próprias ou associadas a grandes campanhas publicitárias. Kylie não foi exceção, mas foi mais longe.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Kylie Cosmetics (@kyliecosmetics) a

Inicialmente, sob o nome de Kylie Lip Kits, a empresa foi renomeada em 2016 para Kylie Cosmetics. De facto, a jovem e personalidade americana serviu-se de uma insegurança corporal – considerava os seus lábios demasiado finos, tendo posteriormente recorrido ao seu preenchimento, embora inicialmente o tivesse negado – para criar um império de beleza que começou exatamente com uma linha de batons.

A verdade é que, em 2019 a Forbes avaliou a empresa em 900 milhões de dólares e classificou Jenner, na altura com 21 anos, como a mais jovem bilionária do mundo. Valeu-lhe, no entanto, uma capa controversa, na mesma publicação, onde era denominada de self-made billionaire. O título foi contestado uma vez que Jenner não partiu exatamente do zero, contando, desde início, com a publicidade e capital que o seu apelido lhe permitira.

Huda Kattan, Huda Beauty

Nascida em 1983, nos Estados Unidos da América, filha de pais iraquianos, é uma maquilhadora e blogger de beleza que ascendeu à categoria de empreendedora quando criou a sua marca de beleza em 2013.

Baseada no Dubai, esta influenciadora de renome internacional começou por estudar maquilhagem em Los Angeles, onde conseguiu uma carteira de clientes interessante com celebridades como Eva Longoria ou Nicole Richie a renderem-se ao seu trabalho.

Em 2010 lançou o seu blogue de beleza e canal de Youtube e, em 2012, juntou-se à plataforma Instagram – atualmente com mais de 40 milhões de seguidores. A sua empresa de cosméticos estreou-se com pestanas falsas, o seu primeiro produto lançado através da Sephora e que se popularizou pelo uso de Kim Kardashian.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por HUDA KATTAN (@hudabeauty) a

Atualmente conta com 32 produtos diferentes na sua marca, acompanhados de tutoriais para que as mulheres saibam como tirar o melhor partido deles e, para este ano, está prevista a expansão da sua equipa em 70%.

“A beleza pode mudar o modo como as mulheres se sentem. Acredito que uma mulher confiante pode conquistar o mundo” é uma das suas frases de culto.

Últimos