Moda

Descubra qual é o seu tipo de corpo e saiba quais as roupas que mais a favorecem

Descubra qual é o seu tipo de corpo e aprenda a contornar os seus pontos fracos e a salientar as zonas do corpo que mais a valorizam. Ampulheta, triângulo, triângulo invertido, retângulo ou oval. Um destes tipos de corpo é o seu. Saiba qual.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
Descubra qual é o seu tipo de corpo e saiba quais as roupas que mais a favorecem
© twenty20
Escrito por
Mar. 09, 2020

Ao identificarmos o nosso tipo de corpo, podemos saber quais as peças de roupa que mais nos favorecem e quais aquelas que devemos evitar, consoante a imagem que queremos transmitir.

Use a fita métrica para tentar perceber se tem os ombros largos ou estreitos, as pernas volumosas ou finas, se a sua cintura é fina ou mais direita, e se a sua anca é (ou não) proporcional em relação aos seus ombros.

Qual será o seu tipo de corpo?

Se a largura dos ombros, da cintura e da anca é a mesma, o seu corpo é retângulo;

Se tem uma cintura fina, é ampulheta;

Se a anca é mais larga do que os ombros o tipo físico, é triângulo;

Mas se os ombros forem mais largos que a anca, é triângulo invertido;

Por último, no tipo de corpo oval, os ombros são estreitos, o busto grande, a anca larga e as pernas também estreitas.

Agora que já sabe qual é seu tipo de corpo, descubra o que deve usar.

Retângulo

tipo de corpo: retângulo

Corpo típico das modelos, fino e sem formas. Crie a ilusão de ter formas onde elas não existem. Abuse dos decotes, saias que marcam a cintura e saias tubo, use tecidos com textura, folhos e tudo o que dê volume à silhueta.

Regras a seguir: Saliente a anca e marque a cintura. Estas duas partes do corpo definidas tornam-no mais feminino. Aposte nos estampados florais e xadrez, pois a maioria dos padrões favorecem os corpos magros e sem formas.

Evite: Riscas verticais, padrões gráficos e criar blocos de peças sem dar forma à silhueta.

Ampulheta

tipo de corpo: ampulheta

Sortuda! Tem um bom equilíbrio entre os ombros, a anca e as pernas. Significa que não precisa de se esforçar muito, pois o corpo tem as formas perfeitas – só precisa de seguir as curvas que a Natureza lhe deu.

Regras a seguir: Use roupa que defina as linhas naturais do corpo e dê preferência às peças justas. Uma vez que não tem nada a esconder pode jogar com os contornos.

Evite: Roupa que esconda o corpo. Uma mulher curvilínea com roupa larga tem mais probabilidades de parecer que tem seis ou sete quilos a mais que uma pessoa sem formas bem definidas.

Triângulo

tipo de corpo: triângulo

É o corpo típico da maioria das portuguesas, muitas vezes chamado de corpo pera. O truque aqui é chamar a atenção para o tronco. A escolha da roupa deve ser feita para salientar os ombros ou o peito e disfarçar a anca.

Regras a seguir: As partes de cima devem ser compridas. Os vestidos decotados ou com detalhes distraem a atenção da anca, por outro lado, os blazers com enchumaços equilibram esta silhueta.

Evite: Blazers e partes de cima curtas (camisas, t-shirts), jeans com bolsos atrás e tudo o que o saliente a anca.

Triângulo invertido

tipo de corpo: triângulo invertido

Um corpo característico de quem fez natação. Ao contrário de quem tem o corpo de triângulo, a atenção deve ser direcionada para a anca.

Regras a seguir: Limite a escolha de partes de cima a peças minimais sem grandes detalhes. Os cortes estruturados e as linhas direitas são perfeitas para equilibrar este tipo de físico.

Evite: As cavas americanas, os decotes à barco e os tops caicai com folho – todas estas peças salientam os ombros.

Oval

tipo de corpo: oval

Todo o volume se resume à parte central do tronco, busto, barriga e anca. Sempre que possível use acessórios que chamem a atenção para o pescoço, braços e cabeça. O truque é disfarçar o volume central através de jogos de cores.

Regras a seguir: Use cores escuras nas partes do corpo que quer disfarçar. Se gosta de cores vivas reserve-as para partes de baixo (calças ou saias) ou para agasalhos.

Evite: Peças largas e volumosas criam mais volume, tecidos encorpados e padrões em geral.

Últimos