© Unsplash

Será que conhece todos os benefícios da couve-flor? Pense bem…

Pertence à família das crucíferas, como as couves e os brócolos, e distingue-se pelas suas flores e pelo seu sabor suave e ligeiramente adocicado. Conheça todos os benefícios associados à couve-flor.

“A couve-flor não é mais do que uma couve com educação superior”, disse Mark Twain, escritor norte-americano. Depois de conhecer as vantagens dos seu consumo e a versatilidade deste legume, não há como discordar.

Parte integrante da família Brassicaceae, diferencia-se dos irmãos bróculos ou couve-de-bruxelas porque contrariamente a estes, a couve-flor pode ter várias cores e existe em diferentes variedades.

Sendo a mais comum a de cabeça branca, em segundo lugar surge a couve-flor verde, comummente denominada romanesco, e em terceiro a roxa, bastante apreciada em terras italianas.

É importante ter em mente que as variedades estão sujeitas às estações do ano.

4 benefícios da couve-flor

Tem poucas calorias e muita fibra e vitamina C;

Tem propriedades diuréticas graças ao elevado teor de água e potássio e às baixas quantidades de sódio;

• Contém sulforafano, que ajuda o fígado a produzir as enzimas que impedem os químicos causadores do cancro de atingir o corpo;

• É adequada para pessoas que sofrem de hipertensão.

Como cozinhar?

Para poder usufruir das propriedades nutritivas desta couve ao longo do ano, deve prepará-la em conserva.

Ao lavá-la, divida em raminhos e não os deixe de molho, para evitar que percam grande parte dos seus nutrientes.

É aconselhável condimentar a couve com funcho ou cominhos, especiarias que contrariam com eficácia o desconforto intestinal que este legume provoca devido aos seus vários compostos de enxofre.

Fica bem com…

As possibilidades de confecção da couve-flor são muitas – como acompanhamento de carne ou peixe, em tartes, sopas, saladas, ou em puré, não há como errar com esta couve!

Experimente esta receita de couve-romanesca assada, perfeita para miúdos e graúdos, ou um delicioso salmão de cajun com arroz de couve-flor.

Sugestão de conservação

A couve-flor não deve ser mantida mais de três dias seguidos no frigorífico, uma vez que irá perder todos os nutriente. Contudo, a solução passa por congelar.

Para tal, coloque-a numa panela com água a ferver e sal, durante 3 minutos. De seguida, separe em raminhos de tamanho parecido e escorra bem a água para evitar a formação de cristais de gelo.

Como escolher?

Escolha a couve-flor com folhas firmes e vigorosas, como sinal da sua frescura.

Nas couves-flores brancas, a cor da cabeça não deve ter manchas nem partes moles.


Comentários

Será que conhece todos os benefícios da couve-flor? Pense bem…

Os comentários podem ser editados por questões de clareza e para permitir respostas mais gerais.