10 sinais de que o seu corpo está a implorar por água

Sabe-se que beber água é um dos hábitos do dia-a-dia mais importantes. Porém, nem toda a gente o cumpre e o corpo, claro, acaba por se ressentir e por se manifestar. Se sente algum dos sinais que lhe vamos mostrar, então está na hora de pegar na garrafa de água.

Se começou a ler este artigo agora, olhe à sua volta. Tem algum copo ou garrafa de água perto de si? Se sim está num bom caminho. Se nem sequer se lembra da última vez que bebeu água, então está no mau. Provavelmente o seu corpo já se começou a manifestar de diversas formas, mas talvez ainda não tenha dado por isso.

Sempre que entramos em estado de desidratação avançada, o corpo, com maior ou menor subtileza, avisa-nos. E o que pode parecer algo comum, ou uma pura reação do organismo, pode ser, na verdade, algo bastante mais sério.

Além da sede, o corpo manifesta-se de muitas outras formas. A revista Cosmopolitan e o site de lifestyle Little Things divulgaram alguns dos sintomas mais comuns que sentimos quando estamos desidratadas. Conheça-os.

Sinais de que o seu corpo está a precisar de água

 

A urina é amarela escura

Se beber água regularmente, a urina é diluída e tem um aspeto transparente. Mas quando o organismo está desidratado, os rins guardam o máximo de água que conseguem para continuarem a executar a sua função: libertar resíduos do corpo. A urina acaba por se concentrar mais, o que, uma vez que fica mais ácida do que o normal, pode trazer problemas aos órgãos do sistema urinário.

Dores de cabeça e cansaço

Facto: para o cérebro funcionar em plenitude, o organismo tem de estar hidratado. São várias as vezes que procuramos por alimentos que dão energia, mas a água é um elemento fundamental para se sentir mais proativa. Se estiver desidratada, o trabalho das enzimas (que ajudam o processo metabólico do corpo) começa a falhar e é normal que sinta dores de cabeça e tonturas.

Asma e alergias

Sabia que enquanto respira está a perder água? Sim, isto acontece, mas em forma de vapor (é por isso que é possível embaciar uma janela com a respiração). Quando o estado de desidratação já é elevado, o corpo armazena o máximo de água possível e fecha as vias respiratórias, o que leva, consequentemente, à dificuldade em respirar normalmente.

Além disto, as mucosas da boca começam a secar, a garganta começa a ficar irritada e o nosso organismo começa a produzir mais histamina – uma substância produzida para atuar contra a alergias.

Quando tem demasiada sede

A desidratação afeta a concentração de eletrólitos no corpo, que ajudam não só a regular as funções dos músculos e dos nervos, como também o funcionamento do metabolismo. Quando os rins sentem a falta de água no organismo, o cérebro aciona a sede como resposta e alerta para a extrema necessidade de hidratação.

Problemas de pele

Antes de mudar de creme, pense que o problema da sua pele poderá vir da desidratação. É através da urina e do suor que o corpo liberta a maioria das toxinas. Por isso, se urinar pouco, a acumulação desta substância pode trazer vários problemas.

A secura da pele é um dos principais sintomas e, consequentemente, poderá levar a várias infeções ou inflamações, como eczemas.

Problemas nas articulações

Para as articulações funcionarem normalmente têm de ter um líquido, chamado sinovial, que ajuda os ossos, músculos, ligamentos e tendões a trabalharem normalmente e a corresponderem a qualquer exercício. É constituído essencialmente por água e, por isso, a sua escassez afeta todos estes tecidos.

Aumento de peso

A água pode ajudar a manter o peso ou a perdê-lo. Quando as células estão privadas de energia é normal que sinta cansaço e isto poderá levá-la a comer. Na verdade, por vezes, basta beber água.

A água gelada, por exemplo, dá um boost de energia ao corpo e faz com que a comida seja processada de forma mais eficiente.

Obstipação

A água faz com que o trânsito intestinal seja mais eficiente e eficaz. A sua ausência faz com que o movimento das fezes, através do cólon, esteja mais bloqueado e seja mais lento.

Envelhecimento precoce

Tal como o Little Things escreve, imagine o seu corpo como uma planta. Sem água suficiente as folhas começam a secar e a ficar com um aspeto ressequido. O corpo funciona da mesma forma. Sem água, a pele e outros órgãos vão começar a “murchar” e a envelhecer prematuramente. É claro que isto leva ao aparecimento de rugas e à descoloração da pele.

Irritação constante

É possível que se sinta irritadiça, confusa e mais ou menos farta de tudo. Ao invés de culpar o trabalho, a família ou o namorado, a solução pode passar simplesmente por beber água. A desidratação leva à baixa pressão arterial e isto faz com que o sangue e oxigénio não cheguem ao cérebro.


 

Identifica algum destes sintomas? Tenha sempre uma garrafa de água por perto e não espere até ter sede para beber! Saiba ainda quais os passos que deve dar para ser mais saudável.

Mais sobre corpo , mal-estar

Comentários

10 sinais de que o seu corpo está a implorar por água

Os comentários podem ser editados por questões de clareza e para permitir respostas mais gerais.