Beleza

10 combinações que fazem mal à pele e ao cabelo

Há ingredientes e produtos que quando combinados com a pele são um verdadeiro desastre. Será que estamos a fazer alguma coisa de mal? Vamos descobrir.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
misturas texturas maquilhagem
Mariana Nave
Escrito por
Out. 18, 2018

Não são apenas as relações entre as pessoas que podem ser tóxicas. Existem produtos cujo casamento não chega sequer a ver o final do dia. Irritações cutâneas, mau funcionamento de séruns ou a ineficiência de produtos de maquilhagem são alguns dos resultados que pode esperar se tentar misturar determinadas fórmulas.

O primeiro instinto é culpar as marcas ou até os próprios produtos, mas já parou para pensar que o erro pode estar na maneira como os aplica? Temos algumas noções básicas, como os cuidados a ter com a aplicação de um autobronzeador, o facto de que não devemos apanhar sol depois de fazer um peeling ou que devemos usar fórmulas oil free se temos pele oleosa. No entanto, existem outras informações que não são tão conhecidas.

Evite vermelhidões na pele, couro cabeludo sensível e reações corporais, fugindo destas dez misturas explosivas.

Combinações a evitar na sua rotina de beleza

1. Cabelo descolorado + cloro

Um dos erros mais comuns no que toca aos fios capilares descolorados é entrar numa piscina com cloro sem qualquer tipo de cuidado. Este tipo de cabelo é muito mais sensível, portanto o ideal  é não molhar a cabeça. No entanto, se tiver de fazê-lo passe-o por água doce antes para evitar a absorção de cloro.

© Thinkstock

2. Base líquida + blush em pó

No que toca a este pequeno produto, que faz milagres pelo nosso rosto, o truque é combinar texturas. Se utiliza uma base líquida, deve aplicar um pó solto translúcido antes de utilizar o blush em pó. Caso contrário, o pigmento agarra-se ao rosto e é praticamente impossível espalhá-lo.

3. Escova de limpeza + esfoliante

Apesar de trazer benefícios para o rosto como limpeza e remoção de células mortas, não deve abusar do uso da escova de limpeza facial. Esta deve ser usada com um leite ou outro produto que não seja demasiado agressivo. Nunca deve usar um esfoliante de rosto, isto porque os grãos presentes no produto já são demasiado abrasivos.

4. Perfume + sol

Aplicar umas gotas do nosso aroma preferido antes de sairmos de casa pode ser um dos gestos mais antigos que existe. Contudo, se for para a praia, deve pensar duas vezes antes de o fazer. Os perfumes contêm substâncias sensíveis à luz que podem causar manchas cutâneas ou até queimaduras quando entram em contacto com o sol.

5. Ácido glicólico + ácidos alicílico

Tanto um como o outro são poderosos agentes na remoção das células mortas. Ao utilizar os dois, a sua atuação será mais potente e não no bom sentido. Não só vai remover protetores da pele, como irá causar uma reação cutânea demasiado agressiva.

base em pó e liquida

© Thinkstock

6. Pele seca + base

É fundamental hidratar o rosto antes de aplicar base, seja ela líquida, em pó ou até cushion. Isto não só irá ajudar a espalhar mais facilmente o produto, como evita um aspeto descuidado com pele a escamar e manchas. Se aplicar base sem tratar do problema, apenas irá piorar a situação e obter um tom não homogéneo.

7. Peróxido de benzoílo + retinol

Estes ingredientes são poderosos aliados no combate à acne, visto que ajudam a evitar irritações. No entanto, não  é comum encontrar os dois na fórmula do mesmo produto. O peróxido de benzoílo é um excelente anti-inflamatório, porém tem a capacidade de desativar um retinol tópico. Como tal, nunca deve aplicá-los um a seguir ao outro, se o fizer, prepare-se para uma reação cutânea acompanhada de vermelhidão.

8. Vitamina C + alfa-hidroxiácidos

Ambos atuam como antioxidantes e ajudam a combater os danos causados pelo sol e poluição. No entanto, quando utilizados em conjunto, podem desequilibrar o nível de pH da pele devido à elevada concentração de acidez.

9. Fotodepilação + sol

A depilação a laser é um método de depilação que penetra até às células germinativas do pelo, impedindo que este nasça novamente por um elevado período de tempo. Deve ter em conta que não pode apanhar sol nos dias anteriores, pois a produção de melanina afeta o organismo, mesmo em zonas onde não faz a depilação. Após o procedimento deve evitar o sol visto que a pele se encontra sensibilizada e existe um maior risco de queimaduras e cicatrizes escuras.

10. Produtos à base de óleo + à base de água

Pode parecer básico, mas existem muitas pessoas que se esquecem disso. Água e óleo não se misturam, logo, o mesmo princípio aplica-se a produtos de beleza. o óleo atua como uma barreira no rosto, impedindo a penetração e absorção da água.


Costuma fazer alguma destas combinações? Descubra ainda qual é o seu tipo de pele.

A versão original deste artigo foi publicada na revista Saber Viver nº 220, outubro de 2018

Últimos