Beleza

Beauty Check: foram estes os produtos que nos conquistaram em julho

A redação da Saber Viver continua a percorrer o universo da cosmética à procura do melhor para o rosto, cabelo e corpo. Mostramos-lhe tudo o que experimentámos durante o último mês.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
Beauty Check: foram estes os produtos que nos conquistaram em julho Beauty Check: foram estes os produtos que nos conquistaram em julho
© Grafismo: Sara Marques
Escrito por
Ago. 01, 2022

Tal como já é habitual, a equipa online da Saber Viver levou para casa alguns produtos que tinha curiosidade em experimentar, que eram adequados para o seu tipo de pele ou que prometiam alguma revolução no mercado da cosmética.

Entre exfoliantes para a pele, gadgets para o cabelo e séruns para as pestanas, saiba o que temos a dizer sobre os lançamentos mais recentes do mundo da cosmética.

Curiosa para saber como correu? Veja em baixo as nossas experiências.

Os produtos que testámos no último mês

Quem me conhece sabe da minha obsessão com sobrancelhas penteadas. A verdade é que, embora sejam muitas vezes menosprezadas, as sobrancelhas têm um papel fundamental na definição da estrutura do rosto. Sem sobrancelhas, toda a forma da cara é alterada. O mesmo acontece na relação entre as pestanas e o olhar. Assim, no mês em que todo o rosto sofre um desgaste excessivo devido às férias, experimentei o sérum de pestanas e sobrancelhas da The Ordinary. Leve e com elevada concentração (formulado com quatro tecnologias de peptídeos), senti as pestanas e sobrancelhas mais nutridas, visivelmente mais densas e com um aspeto saudável e bem tratado. A aplicação é simples, basta uma camada fina ao longo da linha das pestanas e sobrancelhas. Para notar os resultados, é importante utilizar diariamente, de manhã e à noite, após lavar a cara.

Este mês tive a oportunidade de experimentar o famoso Airwrap da Dyson, o gadget de beleza que veio revolucionar a forma como cuidamos do cabelo durante os meses de verão (e durante todo o ano, na verdade). Uma vez que não utiliza calor extremo, ajuda a manter os fios capilares saudáveis e fortes. Por isso, decidi levar este modelador multifunções de férias, por ser um período em que acabo por lavar o cabelo todos os dias, para retirar o sal da água do mar. Descobri um mundo novo de possibilidades no que a penteados diz respeito! Uma vez que tenho o cabelo encaracolado, não utilizei com tanta frequência os cilindros de styling que permitem fazer ondas e caracóis, contudo, apercebi-me que, utilizando esta ferramenta, consigo ter um cabelo encaracolado mais controlado e com menos frizz, ao invés de uns caracóis selvagens. Por outro lado, também consegui esticar o cabelo com bastante facilidade, rapidez e sem danificar os fios capilares, algo extremamente importante para mim, dado que o meu cabelo é seco. Resumindo: variedade não faltou, sem dúvida. Ondas, esticado, efeito blowout, foi só escolher. Graças ao modelador Airwrap, o conceito ‘cabelo de verão’ ganhou um novo significado. E agora que estou “mal-habituada”, não há limites para os penteados que posso fazer com os meus fios capilares.

Sim, sou fã de sabonetes. A sensação de esfregar as mãos no sabonete e, depois, com o produto nas mãos, lavar as zonas do corpo, rosto ou pescoço pretendidas, transmite-me uma sensação de limpeza muito mais profunda do que com um gel de duche (mesmo que isso não corresponda à verdade). Talvez porque, durante a infância, sabonetes era coisa que não faltava em casa dos meus avós, então criei uma estima especial por este produto mais tradicional e também mais ecológico.

sabonete de duche weleda

Sabonete de duche (Ylang Yalng + Íris e Geranium + Litsea Cubeba), Weleda, 5,45€ cada

Estes novos sabonetes sólidos de duche da Weleda, para além de um aroma inesquecível, à base de óleos essenciais 100% naturais, que se espalha pela casa (é verdade, não se fica só pela casa de banho), ajudam a reduzir o consumo de água durante os banhos. Mas a vertente sustentável não se fica por aqui, uma vez que são vegan, formulados sem micro plásticos e a embalagem é biodegradável. Durante a lavagem, o sabonete liberta uma espuma cremosa que deixa a pele suave e hidratada, e com um cheirinho irresistível. Ah, e é perfeito para levar de férias!

mafalda barbosa beauty check

Todos os produtos que experimentei este mês foram para o rosto e todos me surpreenderam de maneiras diferentes. Uma vez que tenho olheiras muito acentuadas e, muitas vezes, inchadas, o Redutor Instantâneo de Olhos Inchados, da Mary Kay, salvou-me este mês. Este produto distingue-se de outros cremes de olhos que experimentei por não ser leave-in, logo temos de o retirar dois minutos após a aplicação. Gostei do facto de ser assim, pois não senti a pele oleosa após aplicar todos os meus essenciais da rotina da noite. Além disso, senti logo diferença passados alguns dias.

Por falha minha, nunca prestei muita atenção a cremes hidratantes para o rosto. Era sempre o que tinha à mão ou algum que às vezes me ofereciam. Havia até alturas que nem sequer aplicava e usava só o protetor solar de manhã antes de sair de casa. Quando experimentei o CC Cream Oxygen Glow da Filorga apercebi-me da necessidade apostar em cremes para a cara de qualidade. O toque é muito suave, deixando a pele macia e sempre a brilhar, parecia um rosto completamente novo. Depois o creme tem uma cor bastante neutra, combinando bem com qualquer tom de pele.

CC Cream Oxygen Glow Filorga

CC Cream Oxygen Glow, Filorga, 23,95€

Pessoalmente, adoro ter sempre um exfoliante guardado na gaveta, reservado para as noites de self-care. O Bright and Beauty da Lush foi a adição perfeita à minha coleção. Para além de ter um aroma muito agradável, a sensação de exfoliação não é muito intensa, nem dura muito tempo, o que é algo que me agrada uma vez que não sou a pessoa mais paciente. Após a utilização, quando retirei o produto senti a minha pele muito mais luminosa e suave. Além disso, este exfoliante pode ser usado como cleanser, o que é também um ponto a favor.

Últimos