© Thinkstock

Sexting: o poder de uma surpresa sem hora marcada

Temos boas notícias: existe uma arma poderosa para reacender a chama da paixão. Funciona à distância e a qualquer hora e pode fazer muito pelas relações amorosas. Chama-se sexting, exige cuidados, mas promete resultados. Atreve-se a experimentar?

Não é raro que a vida sexual dos casais seja um exemplo perfeito da diferença entre a imaginação e a realidade. É natural imaginar cenários perfeitos no regresso a casa. Visualizar momentos a dois em que ambos estão lá, de corpo e alma. E ambicionar aquele conforto amoroso que ajuda a esquecer o cansaço do dia a dia. Quantas vezes é que essas ideias já a ajudaram a sentir-se mais motivada? Quantas vezes já a fizeram sorrir durante o dia de trabalho?

Mas depois, quantas vezes já chegou a casa sem energia para mais nada e, socorro… ainda há tanto por fazer? Depois de tudo, só resta vontade de ir dormir. E não está sozinha nisto.

O casal está reunido, o amor está lá, a atração física também, mas a rotina e o cansaço entram no jogo e sobra menos disposição para a intimidade. Talvez esteja na hora experimentar outras estratégias para apimentar a relação.

Pontos nos is: afinal, o que é o sexting?

No livro Chamar as Coisas Pelos Nomes, Vânia Beliz, licenciada em Psicologia Clínica e Mestre em Sexologia, define o sexting como “o envio de conteúdos sexuais explícitos, mensagens, imagens ou outro material através de dispositivos móveis, normalmente, por smartphones”.

Desejar o que não “está à mão” ajuda a aumentar o desejo e a reforçar os laços entre o casal

Nada mais fácil do que usar o telemóvel, que está sempre à mão, para surpreender a sua cara-metade com mensagens em que explicitamente lhe mostre que sente desejo, que tem fantasias sexuais e em que lança os dados para o jogo da sensualidade.

Os flirtmojis, esses ícones atrevidos, andam por aí, para a ajudar a dar um toque artístico ao sexting.

enviar emojis para apimentar a relacao sexting

O que se ganha com este jogo de sedução?

O sexting desperta a predisposição para a proximidade sexual, criando um clima erótico por antecipação. O fator surpresa e a distância são importantes. Desejar o que não “está à mão” ajuda a aumentar o desejo e a reforçar os laços entre o casal.

O sexting é um facilitador do sucesso do reencontro. Vale tudo para criar tensão emocional ou sexual, dentro de uma lógica de bom senso que seja aceite e desejada por ambas as partes. Fotos de partes do corpo ou de corpo inteiro, sobretudo fotos sugestivas, mais do que fotos exibicionistas, vídeos, gravações de voz, emojis, tudo pode ser usado para que o sexting resulte, mas isso… só se saberá mais tarde.

Se ainda não experimentou, experimente. Use o sexting para alimentar a energia erótica. Vá avaliando a resposta do seu par a estes preliminares virtuais. Se sentir que existe predisposição e vontade do outro lado, avance, mas nunca se exponha demasiado se não puder garantir que o que envia vai manter-se na esfera privada.

3 dicas simples para começar

Gostava de experimentar, mas não sabe como? No Mindbodygreen, um site de bem-estar que promove um estilo de vida saudável, encontrámos alguns conselhos que podem ser úteis para quem quer iniciar-se nesta prática.

Comece por enviar mensagens curtas, mas sugestivas, como:

1. “Não consigo deixar de pensar…” (numa parte do corpo do seu parceiro/a que a excite ou num ato sexual específico, como lamber, morder ou outro que gostasse de fazer);

emoji corpo mulher sexting

2. “Lembras-te do que fizemos quando…” (uma ocasião especial em que o sexo tenha sido especial e memorável);

emoji carro casal sexting

3. “O que achas de experimentarmos…” (uma prática sexual que ainda não tenham experimentado, num lugar diferente, algo que quebre a rotina).

emoji algemas sexting

Os perigos do sexting

O sexting tem bastantes benefícios, é certo, mas também tem os seus riscos, principalmente quando é usado em relações recentes ou entre adolescentes.

Vânia Beliz refere que “este tipo de mensagens faz parte de um jogo de sedução que pode ser muito excitante se todos os cuidados de segurança forem tomados. É importante que sejamos cuidadosos no conteúdo: uma frase, uma palavra ou uma fotografia mal usada pode ter o efeito contrário e deitar tudo a perder. É importante que se tente conhecer o outro e que o conteúdo se possa ir intensificando”.

Atrás de um ecrã, qualquer um pode ser quem quiser. É mais fácil dizer ou revelar o que sentimos à distância do que em presença. O contacto visual funciona como um filtro, que não está lá durante o sexting.

A prática segura de sexting exige bom senso, no caso dos adultos, e aconselhamento dos pais em relação aos filhos. A sexóloga recomenda que, se não tiver uma relação de total confiança com a pessoa a quem envia mensagens, não se deixe levar pelas emoções.

10 conselhos para sexting sem riscos

De acordo com Vânia Beliz, “o envio de mensagens eróticas com ou sem fotografia requer cuidados e pode ter consequências graves na vida das pessoas. Praticada por jovens e adultos, embalados na excitação, muitas vezes não prevemos os riscos que esta prática pode causar, com mais consequências do que vantagens”.

Siga alguns bons conselhos e transmita-os também aos seus filhos:

Sempre que enviar uma fotografia, evite incluir o rosto, ou algo que a identifique imediatamente, como tatuagens, por exemplo;

Pense bem antes de enviar fotografias: quem as recebe pode guardá-las só para si… ou nem por isso;

Pondere bem os seus objetivos. O sexting pode tornar-se mais do que apenas um jogo. É isso que pretende?

Não se exponha demasiado perante alguém que apenas conheceu recentemente;

Evite palavrões ou expressões obscenas se não conhece bem quem está do outro lado;

Quando escrever as mensagens, evite erros ortográficos;

Tenha consciência de que tudo o que enviar pode um dia ser usado contra si;

Nunca envie mensagens ou fotografias eróticas como resposta a um pedido de “prova de amor”;

A sua autoconfiança pode cultivar-se de várias formas. O sexting não pode ser uma delas;

Seja prudente. Não envie mensagens de que possa mais tarde arrepender-se.

 


Já alguma vez experimentou o sexting? Descubra ainda tudo o que sempre quis saber sobre orgasmo feminino.

Comentários

Sexting: o poder de uma surpresa sem hora marcada

Os comentários podem ser editados por questões de clareza e para permitir respostas mais gerais.