By

Não vale a pena guardar apenas dez minutos para comprar os bilhetes de avião. Se quer encontrar verdadeiras pechinchas (daquelas que apetece gritar ao mundo que as conseguimos) é melhor reservar algumas horas e uma certa dose de paciência também. No fundo, não se esqueça: devagar se vai (em viagem barata) ao longe!

“Oh, o custo de vida lá é barato, o pior são os bilhetes de avião”. Quantas vezes já usou este discurso em conversa com amigos sobre os sítios onde gostava de ir passar férias? Pois é, muitas vezes o sonho de ir conhecer outros países fica guardado na gaveta não pelo dinheiro que temos de levar, mas sim pelo que tem de ser pago pela viagem.

Numa altura em que a TAP criou o Discount, um conjunto de novas tarifas a preços reduzidos que compete diretamente com os valores praticados nas companhias aéreas low cost, reunimos sete truques que não deve pôr de lado na altura de comprar os bilhetes de avião. Em alguns casos, despender algumas horas a procurar tarifas mais baratas significa uma poupança de 50% do valor. Quem disse que fotografias suas em destinos paradisíacos só podiam acontecer em montagens?

Subscreva newsletters

Não pense já que só resulta em mais “lixo” no seu email. Ao subscrever a newsletter de várias companhias aéreas tem acesso a campanhas, promoções e lugares disponíveis de última hora a preços reduzidos. Quem sabe se não lhe aparece até um bilhete de avião super barato para um destino que sempre quis conhecer…

Pesquise em vários motores de busca

É um engano pensar que sites como eDreams, momondo, Skyscanner e Rumbo praticam os mesmos preços – é que os motores de busca têm diferentes valores acordados com as companhias aéreas. O melhor é guardar algumas horas para este processo e fazer muitas simulações de viagens – todas no mesmo dia. Aponte tudo para no fim poder comparar. Embora este seja um ponto de partida, não deixe de lado os sites oficiais das companhias aéreas – é lá que encontra as melhores promoções.

Opte por outros pontos de partida

Se tiver outros aeroportos perto de si simule os preços dos bilhetes de avião também a partir daí. Por vezes, a viagem feita a partir de um aeroporto secundário é muito mais barata e o dinheiro gasto no trajeto até lá compensa.

Procure datas e horas de voo alternativas

Mesmo que tenha planeado ir numa sexta feira ou regressar num domingo, tenha em atenção os dias próximos. Como, por exemplo, esses são os dois dias da semana mais procurados, os preços têm tendência a ser muito superiores. Viajar de madrugada também é mais barato, por isso simule essa alternativa.

Não escolha só uma companhia aérea

Quem diz que tem de ir e voltar na mesma companhia aérea? Não há nada que o obrigue, por isso na hora de comprar os bilhetes de avião faça vários testes até encontrar a opção mais barata. Tenha sempre em atenção as malas – ir num voo em que o valor do bilhete inclui uma mala de porão não é sinónimo que aconteça o mesmo ao regressar.

Marque a viagem antes e as férias depois

Imagine que marca primeiro as férias no emprego e depois, ao comprar os bilhetes de avião, apercebe-se que se voltasse num dia depois seria mais barato? Se no seu emprego existir essa flexibilidade, indique qual é a altura em que vai de férias e só depois de marcar a viagem é que comunica o intervalo de dias.

Opte por voos com escala

Sim, é verdade que perde mais horas e é muito mais cansativo, mas também é mais barato. Se puder despender algumas horas nas escalas, prefira esses voos. Aproveite o tempo no aeroporto para organizar melhor o seu roteiro durante a viagem.

Tem mais algum truque para comprar bilhetes de avião mais baratos?

One Comment

  1. Ana.sofia.felix.02@gmail.com'
    Ana / 1 de Agosto de 2017 at 5:21 /Responder

    Gostaria muito de viajar

Leave a Reply