By

sem medos

No dia da festa está tudo no sítio. A noiva está linda. A sala está decorada. A comida é ótima. Cenário perfeito. Mas vamos retroceder alguns meses na timeline: pedido feito, anel no dedo, data marcada… nada planeado.
Gostava de contar com a ajuda de um profissional, mas não sabe se valerá a pena? Saiba o que faz realmente um wedding planner.

Maria Villar faz parte da equipa que há quatro anos fundou a Amor e Lima uma empresa que, começou por ser de eventos, mas que hoje se dedica a ajudar os noivos na organização de casamentos: “Somos apaixonadas por casamentos, e continuamos muito fiéis aos nossos princípios, àquilo que sempre nos fez acreditar que ia resultar – simplicidade, dedicação e muito empenho em tudo o que fazemos”, conta à Saber Viver. A equipa é formada por wedding planners. Sabe o que são? Nós explicamos.

No fundo, são o braço direito dos noivos. Se é mais um custo? Sim. Mas pode também ser um investimento: procuram os melhores preços e evitam “gastos desnecessários e precipitados.

Maria Villar - Wedding Planner, Amor e Lima

Que função desempenha um wedding planner?

Um wedding planner ajuda os casais com todos os pormenores do casamento, contribuindo com soluções para a concretização de todas as ideias. São também o elo de ligação entre todos os parceiros. Como descreve Maria Villar, alinham e põem em prática o conceito, orientam e aconselham. No fundo, são o braço direito dos noivos. Se é mais um custo? Sim. Mas pode também ser um investimento: procuram os melhores preços e evitam “gastos desnecessários e precipitados”.

Quando é que se deve entrar em contacto com um wedding planner?

“Quanto mais tempo tivermos para preparar tudo, melhor”, explica. Com a devida antecedência conseguem-se os melhores parceiros, espaços ou catering, por exemplo. Por outro lado, excesso de tempo poderá significar mais espaço para dúvidas e indecisões. É preciso encontrar um meio termo. Assim, Maria Villar indica o prazo de um ano para começar a planear: “é razoável e confortável.”

Quais é que são, normalmente, as primeiras etapas na organização do casamento?

Todos os pormenores são geridos pelo wedding planner, mas é fundamental que os noivos façam trabalho de casa e pesquisem. “A organização deve começar por 4 pontos fundamentais: a data, mesmo que aproximada, a zona geográfica onde querem casar, o tipo de casamento que procuram (mais clássico ou mais campestre, por exemplo) e, claro, o orçamento disponível.” Posteriormente, é altura de alinhar outros pormenores: o vestido, os fotógrafos, decoração, presentes dos convidados. O trabalho é todo feito em conjunto e, de preferência, desde o início. Quem ajuda no planeamento cria laços com o casal e, de outra forma, nem seria possível:”É muito importante que estejamos em sintonia e isso torna-se muito mais fácil e melhor quando nos conhecemos e sentimos à vontade uns com os outros.”

Conhecia as vantagens de ter um wedding planner? Está a contar com esse serviço para o seu casamento? Partilhe a sua opinião connosco.

CRÉDITO: Amor e Lima

 

Leave a Reply