© iStock

Descubra os benefícios de consumir café todos os dias

O café, o estimulante mais consumido a nível mundial, é um dos ingredientes que mais questões levanta quanto aos riscos e benefícios do seu consumo. Dúvidas científicas à parte, reunimos algumas das razões pelas quais deve deixar que o café faça parte da sua vida.

De acordo com a Associação Industrial e Comercial do Café (AICC), o café é “um dos componentes da alimentação mais ingeridos no mundo inteiro, constituindo a substância farmacologicamente ativa mais utilizada universalmente”.

Rico em antioxidantes (fitoquímicos como ácidos clorogénicos) e cafeína, que lhe concede o título de estimulante, continuam a existir inúmeras controvérsias relativamente aos riscos e benefícios do seu consumo. Falámos com Diana Teixeira, nutricionista no Hospital CUF Infante Santo, com o objetivo de desmistificar a importância do café.

“De acordo com a Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA), o consumo diário de cafeína até 400 mg em adultos saudáveis é seguro, sendo que este valor inclui todas as fontes de cafeína (chá preto, refrigerantes, chocolate, bebidas energéticas, entre outros)”, revela. E sendo que o teor médio de cafeína de um expresso em Portugal é de 74,5 mg, “um adulto saudável pode consumir até 5 chávenas de café por dia.”

Certo é que, no âmbito de um estudo recente levado a cabo pela Universidade Heinrich Heine, em Düsseldorf, Alemanha, comprovou-se que a ingestão de até quatro chávenas de café por dia diminui o risco de ataque cardíaco. Assim, e tendo em conta as investigações científicas dos últimos anos, acredita-se que a ingestão moderada de café, aliada a um estilo de vida saudável, traz inúmeros benefícios para a saúde.

Benefícios do café

• Reduz da sensação de fadiga;

Ajuda a melhorar o metabolismo do açúcar;

Reduz o risco de doença de Parkinson e Alzheimer;

Ajuda a atenuar a sintomatologia;

• Retarda a progressão de doenças autoimunes – é aconselhado o seu consumo a indivíduos que sofram de esclerose múltipla e colangite esclerosante primária;

 Diminui o risco de doença cardiovascular, doença coronária, acidente vascular cerebral, esteatose hepática não alcoólica, cirrose, fibrose hepática, depressão e de diabetes tipo 2;

Atrasa a perda de memória.

É importante lembrar que há exceções no que à ingestão de café diz respeito, como é o caso das grávidas onde “o consumo seguro é até 200 mg de cafeína por dia, uma vez que esta substância tem a capacidade de atravessar a barreira placentária.”, alerta a nutricionista.

Embora sejam conhecidos alguns malefícios associados ao café (e a outras substâncias com cafeína), as mesmas devem-se em grande parte ao consumo excessivo e prolongado deste ingrediente. Diana Teixeira explica que “o cafeinismo pode conduzir à ansiedade, nervosismo, insónias, taquicardia e náuseas, devendo, por isso, ser consumido de forma moderada, tendo em atenção fatores individuais.”

Cozinhar com café

Há formas alternativas de consumir café para além das bebidas quentes e frias. Se preferir salgados, experimente juntar o tradicional molho de café ao seu próximo cozinhado. Se a sua praia é mais doces, pode optar por incluir o ingrediente em bolos e sobremesas, como por exemplo neste brownie de chocolate e café.

Receita de Brownie de Café

55 minutos | 16 porções

;

Ingredientes

12 c. sopa de manteiga

255 g chocolate negro, picado grosseiramente

1 chávena de açúcar

3 ovos L

2 c. chá de extrato de baunilha

2 c. sopa de café expresso

1 c. sopa de café em pó instantâneo

1 c. chá de sal

1 chávena de farinha

1 c. sopa de cacau em pó

Preparação

1. Pré-aqueça o forno a 190ºC. Derreta a manteiga e o chocolate em banho-maria num tacho

2. Retire do lume e use uma colher de pau para bater o açúcar. Adicione os ovos um de cada vez. Certifique-se que obtém uma mistura homogénea antes de juntar o próximo ovo

3. Junte a baunilha, o café expresso, café em pó e o sal, e bata durante um minuto. Peneire a farinha e o cacau em pó e misture tudo

4. Verta para um forma forrada com papel vegetal e alise a parte de cima. Leve ao forno entre 30 a 40 minutos ou até que, ao espetar um palito, este não contenha massa (demasiado) húmida

5. Retire do forno e deixe os brownies arrefecerem. De seguida, coloque-os no frigorífico (pode deixar durante a noite). Corte em 16 pedaços e sirva.


Agora que já sabe como fazer brownie de café e chocolate, descubra tudo sobre o cacau, o poderoso antioxidante que ajuda a baixar a tensão arterial.

Comentários

Descubra os benefícios de consumir café todos os dias

Os comentários podem ser editados por questões de clareza e para permitir respostas mais gerais.