By

Conhece o Trilho da Fóia? Já percorreu os caminhos da Serra da Arrábida ou a Rota do Tua? Pegue nos ténis, na roupa confortável e na garrafa de água e aventure-se nas caminhadas que lhe sugerimos.

Feitas normalmente em grupo, as caminhadas dão-nos muitos benefícios: um contacto direto com a Natureza, aliviam o stress e permitem que nos mantenhamos ativos e saudáveis. Também conhecidas como trekking ou passeios pedestres, esta atividade ao ar livre não precisa de muito mais do que roupa e ténis confortáveis, muita água, vontade de caminhar e passear, e… algum espírito de aventura.

Pronta para se fazer ao caminho? Escolhemos aqueles que achamos que tem mesmo de conhecer em Portugal. Porquê? Ficará a conhecer melhor não só a cultura, como a fauna e a flora do nosso País. Tenha em atenção que algumas destas caminhadas têm dias marcados e são orientadas por um guia; noutras o caminho é disponibilizado nos sites das Câmaras Municipais.

Onde: Trilho da Fóia, na Serra de Monchique 
Distância:
7 km
Grau de dificuldade:
Médio
Pontos fortes:
Ida ao ponto mais alto da serra de Monchique (902 metros) e passagem pela vegetação onde encontra muitas ervas aromáticas. Vista panorâmica para o mar.
Guia:
Não. Consulte o percurso aqui.

Onde: Praia da Ursa, em Sintra
Quando: 16/julho, às 10h
Distância:
11 km
Grau de dificuldade:
Difícil
Pontos fortes:
Passagem pelo ponto mais ocidental da Europa Continental. Um percurso feito ao longo de falésias e zonas agrícolas ricas em pomares. Mergulho obrigatório na Praia da Ursa.
Guia:
Sim (10€ por pessoa)

Onde: Parque Natural da Arrábida, em Setúbal 
Distância:
8 km
Grau de dificuldade:
Médio
Pontos fortes:
Vista panorâmica para o rio Sado e as praias da Arrábida. Contacto direto com a fauna e a flora existentes naquele local protegido.
Guia:
Não. Consulte o percurso aqui.

Onde: Trilhos do Canhão da Nazaré
Quando: 10/julho, às 10h
Distância: 14 km
Grau de dificuldade:
Médio
Pontos fortes:
Visita ao Farol da Nazaré e subida ao Monte de São Brás.
Guia:
Sim (15€ por pessoa)

Onde: Rota do Tua, em Trás-os-Montes
Quando: A combinar
Distância: 16 km
Grau de dificuldade: Médio
Pontos fortes: Caminho feito pela antiga linha ferroviária e vista privilegiada para o Alto Douro Vinhateiro.
Guia: Sim (Preço a combinar)

Costuma fazer caminhadas? Sugira-nos mais algumas e conte-nos a sua experiência!

CRÉDITO: Passadiços do Paiva
Artigo originalmente publicado a 19 de junho 2016

One Comment

  1. eltor0pt@gmail.com'
    Pedro Gama / 24 de Junho de 2016 at 17:52 /Responder

    Sou só eu que acho estranho a foto ser dos Passadiços do Páiva e eles nem constarem no artigo?

Leave a Reply