Cultura

O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder - a série de mil milhões de dólares da Amazon Prime Video

Duas décadas depois dos quatro Hobbits Frodo, Sam, Merry e Pippin terem destruído o Anel do Poder, e enfrentarem Sauron na trilogia do Senhor dos Anéis, o mundo de fantasia do autor J.R.R. Tolkien volta ao ecrã com esta série da Amazon Prime Video.

Untitled-7 Untitled-7 Untitled-7
O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder - a série de mil milhões de dólares da Amazon Prime Video O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder - a série de mil milhões de dólares da Amazon Prime Video
© Prime Video
Ana Francisca Oliveira
Escrito por
Set. 15, 2022

Desenvolvida por JD Payne e Patrick McKay, O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder é a série de televisão mais cara de sempre. Viajou ao passado, e decorre milhares de anos antes dos acontecimentos da trilogia original.

A série começa durante a segunda Era da Terra-Média, num período de paz (ou assim parece), e engloba os principais eventos desta altura. Para os descobrir, não perca os episódios da série mais aguardada do ano.

Um novo elenco

A atriz Morfydd Clark assumiu o papel principal, como Galadriel. É conhecida pelas suas interpretações no filme de 2016 Pride and Prejudice and Zombies e na série de 2020 Dracula.

Ainda no universo élfico aparece Robert Aramayo como Elrond, conhecido por participar na série Game of Thrones e Mindhunter.

Dylan Smith faz também parte do elenco da nova série. O ator já participou em longas metragens como The Mummy e Maze Runner: The Death Cure, e interpreta agora Largo Brandyfoot em Os Anéis do Poder.

Como regente do reino de Númeror, Míriel, aparece Cynthia Addai-Robinson. A atriz já apareceu em filmes como Star Trek Into Darkness e séries como Spartacus, The Vampire Diaries e Chicago Med.

Estes são apenas alguns dos atores que interpretam as inúmeras novas personagens na Terra-Média.

O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder não é baseada em livros

Ao contrário do que aconteceu com as duas trilogias inspiradas na obra do autor britânico J. R. R. Tolkien, O Senhor dos Anéis e Hobbit, a série não tem um livro como base do enredo.

Os eventos decorrem numa era brevemente descrita pelo autor, entrelaçada com um mundo reconstruído pelos novos argumentistas.

Foram consultados vários apêndices da obra O Senhor dos Anéis, bem como Simon Tolkien, neto do autor, ao longo do desenvolvimento de Os Anéis do Poder.

Racismo contra os atores

Depois da estreia do primeiro episódio no passado dia 2 de setembro, a mais vista na história da plataforma de streaming, as críticas choveram nos atores da série.

Estes foram comparados ao elenco da trilogia original, já que ao contrário do que sucedeu na mesma, Os Anéis do Poder coloca atores de diversas raças e tons de pele entre Elfos, Humanos, Anões e Harfoots, antecedores dos Hobbits.

Em protesto a estas acusações racistas por parte de fãs, os atores da trilogia O Senhor dos Anéis partilharam nas redes sociais imagens de apoio ao novo elenco.

Elijah Wood, Billy Boyd e Dominic Monaghan envergaram t-shirts com orelhas de Elfos, Hobbits e Humanos em vários tons de pele, e Sean Astin escolheu utilizar um chapéu com a mesma ilustração.

Em ambas as publicações pode ler-se a mensagem “Aqui, todos são bem-vindos”.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Sean Astin (@seanastin)

Pode acompanhar a série na plataforma de streaming Amazon Prime Video. Todas as sextas-feiras sai um novo episódio.

Últimos